Uma das obras mais requisitadas do Museu Nacional de Belas Artes está de volta depois de passar cinco meses em Portugal: a pintura “Café”, do renomado Candido Portinari.

O Museu Nacional de Belas Artes possui a maior coleção de obras do paulista Candido Portinari (1903-1962) e “Café” é um dos trabalhos mais importantes do artista.

A pintura integrou, dentro da política de circulação de acervo, a exposição “Candido Portinari em Portugal”, realizada no Museu Neo-Realismo de Vila Franca. Há 78 anos o quadro não era exposto naquele país.

 

Close