No mês em que se comemora o Dia do Índio (19 de abril), o Museu Paranaense recebe os indígenas Fulni-ô, do interior de Pernambuco. Uma programação cheia de apresentações e troca de experiências está programada para toda a família. Neste encontro, o grupo divulgará sua cultura, com danças, rituais e artesanato.

Anote na agenda: nos dias 10, 12, 24, 26 de abril e 3 de maio eles permanecem o dia todo no museu, das 9h às 17h, com apresentações na parte da manhã (10h) e da tarde (16h). Dias 15, 19 e 29 de abril estarão no museu apenas na parte da manhã.

Os artesanatos produzidos pelos índios — colares, cocares e pulseiras — estarão à venda e todo o valor adquirido será revertido para a própria aldeia.

Os Fulni-ô habitam o município de Águas Belas, localizada a 273 quilômetros da cidade de Recife, no Pernambuco. É o único povo indígena do Nordeste que conseguiu preservar a própria língua, chamada Ia-tê, assim como o sigiloso ritual Ouricuri, que acontece em agosto. O que é de conhecimento público é que, durante o ritual, é realizada a eleição das autoridades máximas do grupo: o Pajé, o Cacique e a Liderança.

Este é um ótimo passeio para levar a família toda, principalmente as crianças para que conheçam de perto a cultura e a história dos povos indígenas, tão importante para o Brasil.

Serviço
Mês do Índio no Museu Paranaense
Exposição e venda de artesanatos do povo Fulni-ô
Dias 10 (terça), 12 (quinta), 15 (domingo), 19 (quinta – manhã), 24 (terça), 26 (quinta), 29 de abril (domingo) e 03 de maio (quinta).
Horários: terças e quintas das 9h às 17h; domingos das 10h às 12h.
Entrada gratuita

Museu Paranaense
Rua Kellers, 289 – São Francisco – Curitiba – Paraná
Terça a sexta-feira, das 9h às 18h
Sábados e domingos das 10h às 16h
Informações (41) 3304-3300 | www.museuparanaense.pr.gov.br

Close